Páginas

Primeira etapa da DuPont na Escola foi realizada

Para dar inicio a essa etapa, a escola organizou um evento em que autoridades, pais, alunos, professores, funcionários e convidados

Alunos melhoram a leitura após execução de projeto

O trabalho com os alunos consistiu na criação do espaço da leitura, com uma caixa decorada

Conhecer o município foi objeto de estudos dos alunos do 4º ano

As ações desenvolvidas levaram os alunos a perceber que no espaço local se estruturam elementos geográficos

Alunos da Escola Guiomar estão na 2ª fase das Olimpíadas da Matemática

A Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP) é uma realização do IMPA

Sala do Educador: brincadeiras como desenvolvimento de habilidades

O grupo apresentou os aspectos relevantes sobre o trabalho com brincadeiras, destacando a importância

sexta-feira, 22 de novembro de 2013

Encerramento da 1ª fase do Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa



No dia 14 de novembro aconteceu o encerramento da primeira fase do Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa, na Escola Guiomar. Professores da Rede Municipal apresentaram o resultado de projetos desenvolvidos em sala de aulas com os alunos e receberam da coordenação local do projeto lembranças de agradecimento.

O Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa é um compromisso formal assumido pelos governos federal, do Distrito Federal, dos estados e municípios de assegurar que todas as crianças estejam alfabetizadas até os oito anos de idade, ao final do 3º ano do ensino fundamental.
Aos oito anos de idade, as crianças precisam ter a compreensão do funcionamento do sistema de escrita; o domínio das correspondências grafofônicas, mesmo que dominem poucas convenções ortográficas irregulares e poucas regularidades que exijam conhecimentos morfológicos mais complexos; a fluência de leitura e o domínio de estratégias de compreensão e de produção de textos escritos.

As Ações do Pacto apoiam-se em quatro eixos de atuação: formação continuada presencial para os professores alfabetizadores e seus orientadores de estudo; materiais didáticos, obras literárias, obras de apoio pedagógico, jogos e tecnologias educacionais; avaliações sistemáticas; e, gestão, mobilização e controle social.

Para a Profª Márcia Menezes, diretora da escola, o Pacto trouxe novas expectativas de ensino-aprendizagem para os professores e alunos. “Percebi que os professores estão mais criativos, desenvolvendo novas técnicas e metodologias de aprendizagem, e os alunos se envolvendo mais” – destacou a diretora.

sexta-feira, 1 de novembro de 2013

Escola participa de desfile cívico em homenagem ao aniversário de Poxoréu

Os 75 anos de aniversário de Poxoréu foi comemorado com a realização de um desfile cívico, entre outras atividades. O desfile é tradicional no aniversário da cidade, onde as escolas da rede municipal e estadual levam às ruas e avenidas as homenagens preparadas. Em 2013, devido a greve das escolas estaduais, o desfile teve uma participação reduzida, ficando apenas as escolas municipais, a Escola Estadual Argemiro Pimentel e a fanfarra da Escola Estadual de Poxoréo.

A Escola Guiomar sempre esteve presente nos desfiles cívicos e sempre procura retrata o nosso povo, a nossa história e o nosso potencial. Neste ano não foi diferente. Com um desfile alegre, festivo, a escola levou à Avenida Brasília (local do evento) uma mensagem de agradecimento ao município de Poxoréu.

Essa mensagem foi representada por grande bolo decorativo, levado pelos alunos da colônia russa de Poxoréu; por um bloco de alunos dos anos iniciais, comemorando com festa e alegria o aniversário; por homenagem ao esporte e a cultura, traços fortes e marcantes da nossa história; por um bloco contando a nossa história atraves de fotos antigas, desde a criação do município; por blocos representando as nossas festas, como festival de praia, encontro de violeiros, festa de São João, carnaval, entre outros.

O público presente avaliou como grande apresentação o desfile feito pela escola. “A escola está de parabéns, um grande desfile. Com simplicidade e competência representou bem a história do município” - disse João de Souza.


A direção da escola parabenizou todos os envolvidos na organização do desfile e agradeceu o apoio recebido do poder público, Prefeitura e Sindicato dos Servidores. “Fizemos um belo desfile graças ao trabalho de cada professor e funcionário da escola que não mediram esforços nesses dias. A todos meus agradecimentos pela dedicação e esforço dado” - acrescentou a diretora, Profª Mácia Menezes.




quarta-feira, 30 de outubro de 2013

Realizada com sucesso a primeira etapa do projeto DuPont na Escola

Na sexta-feira dia 4 de outubro aconteceu na Escola Guiomar a primeira etapa do projeto DuPont na Escola, com a realização do concurso de redação para alunos do 5º ano (B e C), que teve como tema “Meu herói, o agricultor”.

Na ocasião, a escola organizou um evento especial para autoridades, pais, alunos, professores, funcionários e convidados. Estes prestigiaram as apresentações culturais e artísticas e ficaram impressionados com a criatividade dos trabalhos: músicas caipiras e regionais, poemas, textos e mensagens diversas.

Na abertura do evento, o engenheiro agrônomo da DuPont, Rodrigo Dondé Castro, apresentou o projeto educativo e destacou que a empresa tem entre seus valores fundamentais o respeito às pessoas, ao meio ambiente e a preocupação em promover a segurança e a saúde no campo. A diretora da Escola Guiomar, Prof.ª Márcia Menezes, enfatizou que a instituição sentiu-se privilegiada em receber o projeto educacional da DuPont. “Boa parte de nossos alunos vem da zona rural e ao participar do DuPont na Escola esse grupo certamente valorizará ainda mais o trabalho de seus pais produtores rurais”, ressaltou ela. Já o secretário de Educação, Prof. Edinaldo Pereira, afirmou que a DuPont acertou ao escolher a Escola Guiomar como parceira do programa, “pois os profissionais da instituição são altamente comprometidos com a educação e com a realização de atividades que valorizam a comunidade”, resumiu.


Após o evento de abertura do projeto e as apresentações, os alunos receberam orientações quanto ao regulamento do DuPont na Escola e foram para a sala de aula preparar suas redações. O vencedor do concurso, que ganhará uma bicicleta, será conhecido no final deste mês.








sexta-feira, 4 de outubro de 2013

Alunos melhoram a leitura após execução de projeto



A Profª Ziziane Suhelen, do 2º ano C, desenvolveu projeto de leitura em sala de aula intitulado Cantinho da Leitura. O objetivo do projeto foi incentivar e estimular seus alunos a ler e adquirir hábitos de ler, por meio de estratégias diferentes de aprendizagem.

O trabalho com os alunos consistiu na criação do espaço da leitura, com uma caixa decorada e cheia de livros de vários gêneros textuais. Nesse espaço os alunos foram incentivados a buscarem os livros livremente, de acordo com a impressão visual que tiveram, como da capa, das ilustrações, desenhos e imagens. Depois a leitura passou a ser dirigida pela professora, em livros eram indicados aos alunos, conforme seu nível. Os alunos também foram desafiados a lerem em casa, compartilhando com seus pais o conhecimento.
 
Os alunos gostaram muito do espaço de leitura, fato que se tornou definitivo dentro da sala de aula. Os alunos Ceverian e Edinaldo se destacaram na execução do projeto com o interesse de ler mais títulos, inclusive alguns que não estavam na caixa.

A professora ficou satisfeita com a realização do projeto, em que o objetivo inicial foi alcançado. “Os alunos gostaram das atividades e estratégias de aprendizagem desenvolvidas. Melhorou o nível de leitura dos alunos em geral e, principalmente, aumentou o interesse deles pela leitura, o que nos ajudará muito nas outras áreas do conhecimento” - acrescentou a professora.







quarta-feira, 2 de outubro de 2013

Conhecer o município foi objeto de estudos dos alunos do 4º ano



Os alunos do 4º ano A, da Profª Deuzalina Oliveira, estudaram sobre o município de Poxoréu. O objetivo desse trabalho é permitir que as crianças conhecessem o local onde vivem, a sua história, seus aspectos naturais e culturais, as relações existentes na sociedade e como o espaço geográfico se transformou.

As ações desenvolvidas levaram os alunos a perceber que no espaço local se estruturam elementos geográficos que indicam o modo de vida da sociedade;  que a paisagem local possui as marcas do modo de vida e que vários dos elementos estão presentes para além do seu lugar, o que indica que os modos de vida se estendem para além dos bairros, das cidades, para além da escala local.

A professora trabalhou o conteúdo teórico em sala de aula, depois realizou algumas visitas na cidade. Em sala de aula os conteúdos estudados foram sobre a história e geografia local, aproveitando mapas, fotos, objetos que pudessem caracterizar o local, produção de textos com base nos textos lidos e palestras sobre alguns assuntos. Nas visitas, os alunos conheceram o centro histórico do município, galeria de objetos antigos, pontos turísticos e acesso da escola.

Segundo a professora Deuza, os alunos tiveram uma aprendizagem significativa sobre onde vivem. “Alguns alunos não conheciam a nossa história, a nossa cidade. Esse trabalho foi importante para, não apenas conhecer, despertar um interesse maior pelo município, respeitando e valorizando“ – acrescentou a professora.